Cirurgia oral

Você deve ter se deparado frequentemente com diversas especialidades em Odontologia. Algumas delas são óbvias (aparentemente), mas algumas são tão amplas que confundem o leigo. Para a ideia de cirurgia oral, objeto deste artigo, imagine todo o rosto de uma pessoa. Imagine seus ossos, órgãos e complementos, assim como pele.

A odontologia, de forma geral, trata dos dentes. Mas os dentes são suportados por maxilares, por exemplo. E esses maxilares são adequados ao rosto, e ao crânio. Retire tudo o que diz respeito a cirurgias nos ossos e concentre-se em todos os pontos da arcada que dizem respeito á saúde bucal. Todo esse material restante é o objeto da odontologia oral.

A cirurgia oral, portanto, refere-se a intervenções cirúrgicas num paciente que apresenta anomalias, problemas ou incômodos e dores em toda sua arcada, no que se refere aos dentes e á sua relação com sua boca como um todo. A cirurgia oral busca nesse sentido corrigir problemas para encontrar um ponto de equilíbrio entre tudo o que existe na boca e promover a saúde bucal do paciente. Isso tem totalmente a ver, como é óbvio, com todas as faculdades do paciente, passando pela mastigação, fala e respiração. O ramo da Odontologia oral é assim muito amplo e complexo.

Quem trata dos problemas de odontologia oral?

Os dentistas são profissionais capacitados para lidar com odontologia oral. Mas muitas vezes eles precisam da ajuda de outros profissionais. De forma geral, o dentista consegue fazer todas as operações de odontologia oral, claro. Mas essas operações podem ser mais simples e mais complexas, a depender do caso. Veja algumas delas:

  • Extrações;
  • Tratamento de infecções;
  • Tratamento de deformações;
  • Retirada de quistos;
  • Tratamento e extrações de dentes inclusos.

A odontologia oral é uma especialidade?

Existem dentistas especializados em odontologia oral, Mas a grande maioria dos profissionais que estão no mercado conseguem dominar várias das atribuições de um odontólogo oral. Há casos em que é preciso consultar um especialista, mas normalmente isso não é necessário. Seja como for, se for o caso de uma cirurgia muito mais complexa do que as indicadas, provavelmente ela não fará parte do ramo da odontologia oral, e portanto não será uma cirurgia oral.


Publicações Relacionadas

Regiões onde a Consulta Ideal atende cirurgia oral:


cirurgia oral
cirurgia oral